quinta-feira, 23 de setembro de 2010

XII Encontro de Música Antiga de Loulé - Dorothee Oberlinger e Sonatori della Gioiosa Marca em Quarteira

"De 26 de Setembro a 23 de Outubro, as freguesias do Concelho de Loulé recebem o XII Encontro de Música Antiga de Loulé.

Neste evento que é já uma referência no programa cultural promovido pela Câmara Municipal de Loulé, as igrejas irão receber a música do passado, interpretada por conceituados agrupamentos portugueses que se encontram a divulgar repertório situado entre a Idade Média e finais do século XVIII, mas também prestigiados grupos europeus.

Mais uma vez iremos assistir a uma descentralização cultural efectiva que irá abranger várias localidades do Concelho, em concertos com cópias de instrumentos da época, utilizados em interpretações historicamente esclarecidas, num acontecimento de características únicas no País."

Dorothee Oberlinger e Sonatori de la Gioiosa Marca

9 Outubro (sábado), 21h30

Programa - Sonatas Italianas

Local - Igreja de Nª Srª da Conceição / Quarteira

Restantes concertos consultar aqui.

In, CML, 23 de Setembro de 2010

Embora a descentralização seja realidade, seria muito bem-vindo pelo menos mais um concerto neste programa.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Casino de Quarteira - Notícia Correio da Manhã "Autarquia quer comprar antigo casino"

Legenda: Notícia Correio da Manhã, 22 de Setembro de 2010

Esta notícia no jornal Correio da Manhã, não sai por mero acaso, somos levados a pensar que estará para próximo uma resolução deste problema que se arrasta há muito. Há que relembrar que é um dos grandes exemplos do património histórico edificado de Quarteira e tem que ser salvaguardado de forma a conseguir explorar o seu potencial turístico-educativo e construindo para uma melhor imagem do centro histórico.

domingo, 12 de setembro de 2010

Curiosidade - Torre de Quarteira "mandada demolir, em 1936, por uma vereação louletana"

Legenda: Torre de Quarteira
Legenda: António De Sousa Pontes, Os Morgados de Quarteira, Edição da Junta de Turismo de Quarteira, 1960

Mais uma informação histórica para pensar...

domingo, 5 de setembro de 2010

Curso de Património Cultural da Universidade do Algarve

Esta é uma altura do ano em que muitos jovens ingressam pela primeira vez no ensino superior e é normal a existência de dúvidas em relação ao curso que melhor lhes poderá servir. Decidi colocar este tópico no blog devido às dúvidas de uma pessoa amiga. Tinha pretensões de ingressar num curso de História com o objectivo da via do ensino, mas deve se ter esquecido que estamos em Portugal e de momento ser professor não é muito abonatório. Então aconselhei o Curso de Património Cultural (link) da Universidade do Algarve.

"LICENCIATURA EM PATRIMÓNIO CULTURAL


A licenciatura em Património Cultural é um curso de 1.º ciclo que se desenvolve em três anos segundo os critérios do Processo de Bolonha. Pretende formar profissionais habilitados, científica e tecnicamente, na inventariação, preservação e valorização do património construído, arqueológico e histórico do País. Este curso enquadra-se e surge como resposta ao progressivo interesse e preocupações sentidas nas duas últimas décadas, em Portugal e na Europa, pelas problemáticas patrimoniais, bem corporizadas em recentes planos e programas de desenvolvimento e ordenamento regionais ou nacionais onde o património natural e cultural é reconhecido como factor de diferenciação potenciador de desenvolvimento. O graduado do curso de Património Cultural deverá ter a capacidade para recolher, seleccionar, interpretar e avaliar todos os dados referentes à área científica em questão, de forma a poder fazer diagnósticos correctos, actuar responsavelmente e com os devidos conhecimentos científicos, técnicos, sociais e éticos, bem como reencaminhar e saber dialogar com peritos em áreas de intervenção específicas. Estas competências permitirão o exercício de qualidade num campo de conhecimento vastíssimo, como é o do Património Cultural.

ÁREA CIENTIFÍCA


Artes, Literatura e História

PROVAS DE ACESSO


(12) História da Cultura e Artes ou (18) Português ou (11) História (Atenção poderão ser outras)

SAÍDAS PROFISSIONAIS


O graduado do curso de Património Cultural da Universidade do Algarve terá um mercado diversificado de trabalho, não só ao nível do Estado, tanto em organismos centrais como autárquicos, mas também em instituições privadas e, finalmente, como empresário e técnico especialista na área profissional em questão: - Organismos tutelares do património (IGESPAR, IPMC); - Serviços culturais de inventariação e preservação de bens culturais; - Gabinetes de estudos integrados e gabinetes técnicos locais; - Equipas pluridisciplinares em projectos de intervenção e reabilitação patrimonial; - Museus, sítios patrimoniais e demais organismos de gestão e fruição de bens patrimoniais; - Associações de defesa do património; - Empresas especializadas em arqueologia e intervenção patrimonial; - Empresas de divulgação e promoção cultural; - Comissões de bens culturais da Igreja."


É uma excelente alternativa para quem deseja trabalhar de perto com o Património Cultural em toda a sua grandeza e a própria História.

sábado, 4 de setembro de 2010

Cadeia de Quarteira

Legenda: Cadeia de Quarteira - Rua Sacadura Cabral

Inúmeros relatos populares fazem menção à cadeia de Quarteira, e nas duas ou três horas que se passava no local em caso de delito menor. Uma lembrança ainda muito presente!